Bolsas da Ásia e da Oceania abrem com resultados mistos

Índice Nikkei de Tóquio abre em baixa de 101,82 pontos (1,08%) e indicador JKSE de Jacarta sobe 1,53%

Agências internacionais,

15 Outubro 2008 | 02h22

As bolsas da Ásia e da Oceania abriram o pregão desta quarta-feira, 15, com resultados mistos, após uma terça-feira com altas recordes no mercado asiático e de Wall Street fechar no vermelho. O entusiasmo com o plano do governo dos EUA para investir bilhões de dólares nos bancos deu lugar às preocupações relacionadas com a economia.   Veja também: Bush anuncia compra de ações de bancos pelo Tesouro dos EUA Em meio à crise, empresas têm que pagar US$ 15 bi ao exterior Consultor responde a dúvidas sobre crise   Como o mundo reage à crise  Entenda a disparada do dólar e seus efeitos Especialistas dão dicas de como agir no meio da crise A cronologia da crise financeira  Dicionário da crise    O índice Nikkei da Bolsa de Valores de Tóquio abriu em baixa de 101,82 pontos (1,08%), aos 9.345,75 pontos. O segundo principal indicador, o Topix, caiu 13,99 pontos (1,46%), aos 942,31 pontos.   No meio da jornada, o Nikkei estava em baixa de 1,44%, ao ceder 136,35 pontos até 9.311,22. O Topix perdia 22,78 pontos (-2,38%) a 933,52 pontos.   O Banco do Japão (BoJ) realizou sua primeira absorção de capital, de 1 trilhão de ienes (US$ 9,871 bilhões), depois de ter injetado fundos no mercado financeiro por 19 dias consecutivos, informou a agência Kyodo.   As milionárias contribuições anteriores, que chegaram a 35,6 trilhões de ienes (US$ 351,466 bilhões), tinham o propósito de fornecer maior liquidez ao sistema financeiro e suavizar as condições creditícias.   O BoJ, que forneceu fundos ao mercado desde que o banco de investimento americano Lehman Brothers quebrou, no dia 15 de setembro, considerou que havia um excesso de fundos para esta quarta-feira, e decidiu retirar 1 trilhão de ienes (US$ 9,871 bilhões).   Em Cingapura, o índice Straits Times caiu 46,09 pontos, 2,17%, até 2.082,22. Na Malásia, o indicador composto KLCI de Kuala Lumpur baixou 13,10, 1,36%, e abriu em 952,96 pontos.   O índice PSEI da bolsa de valores de Manila, nas Filipinas, perdeu 30,36 pontos, 1,34%, até 2.243,29 pontos. Na Tailândia, o índice SET de Bangcoc caiu até 495,78 pontos, após perder 4,99, 0,99%.   Na Indonésia, o indicador JKSE de Jacarta subiu 23,83 pontos, 1,53%, e chegou a 1.579,80 pontos durante a abertura. Já no Vietnã, o índice VNIndex somou 5,56 pontos, 1,43%, até ficar em 394,89 pontos.   A Bolsa de Sydney abriu em baixa de 1,4%. O índice S&P/ASX200 perdeu 60 pontos a 4.275,2, 45 minutos depois da abertura. E o índice ampliado All Ordinaries caiu 60,9% a 4.250,6.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.