Bolsas da Ásia fecham sem rumo comum, índice sobe

As principais bolsas asiáticas fecharam sem rumo comum nesta sexta-feira, ainda que o índice da região tenha registrado leve alta.

REUTERS

24 de setembro de 2010 | 08h14

Às 7h49 (horário de Brasília), o MSCI que acompanha as bolsas da região da Ásia Pacífico exceto Japão exibia valorização de 0,29 por cento, para 440,52 pontos, acumulando alta pouco acima de 1 por cento na semana.

Dados de pedidos de auxílio desemprego nos Estados Unidos divulgados na mostraram alta a 465 mil na semana passada, encerrando duas semanas de queda.

O índice Nikkei da bolsa de TÓQUIO fechou em queda de 0,99 por cento, para 9.471 pontos. "O Nikkei foi por alguns instantes ajudado por rumores de intervenção, especialmente porque é difícil afirmar se alguma medida foi realizada", disse Koichi Ogawa, gestor de portfólio na Daiwa SB Investments.

"Há muitos fatores de risco que surgiram repentinamente, como a situação com a China e isso dificulta uma alta no Nikkei", acrescentou.

Em HONG KONG, o índice Hang Seng fechou em alta de 0,33 por cento, aos 22.119 pontos. XANGAI não operou, enquanto que TAIWAN perdeu 0,44 por cento, a 8.166 pontos.

Em SEUL, a bolsa subiu 0,76 por cento, para 1.846 pontos. A bolsa em SYDNEY, registrou queda de 0,69 por cento, a 4.601 pontos. CINGAPURA ganhou 0,31 por cento, para 3.092 pontos.

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAASIAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.