Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Bolsas da Ásia recuam com preocupação de desaceleração na China

As bolsas de valores da Ásia perderam fôlego na quarta-feira, com preocupações sobre a desaceleração da China que atingiram o otimismo que havia sido gerado por melhora da economia norte-americana e vinha empurrando os mercados desde o final do ano passado.

REUTERS

21 de março de 2012 | 08h26

O índice MSCI que reúne bolsas da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão exibia queda de 0,35 por cento às 8h20 (horário de Brasília), liderado por perdas em Hong Kong e Austrália, que tem na China seu maior mercado exportador.

O indicador acumula valorização de cerca de 12 por cento este ano e tem ganhos de cerca de 25 por cento sobre os níveis baixos de outubro, quando temores sobre um agravamento da crise de dívida da Europa atingiram seu auge.

A bolsa de Tóquio encerrou em queda de 0,55 por cento, afastando-se do maior nível em oito meses e meio atingido na segunda-feira.

Alguns consideraram o recuo como um ajuste a uma tendência de alta iniciada em outubro e precursor de novos ganhos.

"O mercado foi pego em um cabo de guerra entre preocupações sobre desaceleração da China e expectativas de medidas de alívio monetário que apoiariam o crescimento", disse Hirokazu Yuihama, estrategista sênior da Daiwa Capital Markets, em Tóquio.

"As bolsas asiáticas subiram praticamente sem um grande impacto desde as mínimas de outubro, então há naturalmente um incentivo para realização de lucros, mas eu vejo isso como uma fase de consolidação", acrescentou.

Os preços de moradias na China caíram em fevereiro ante janeiro pelo quinto mês consecutivo e devem continuar recuando nos próximos meses. Na semana passada, o premiê chinês, Wen Jiabao, afirmou que manteria medidas de aperto para desinflar bolhas de ativos.

A bolsa de Xangai fechou praticamente estável, com oscilação positiva de 0,06 por cento. Em Hong Kong o mercado recuou 0,15 por cento e em Taiwan houve valorização de 0,12 por cento. A bolsa de Seul caiu 0,73 por cento, Cingapura avançou 0,10 por cento e Sydney recuou 0,49 por cento.

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAASIAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.