Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Bolsas da Ásia recuam com preocupação sobre crescimento

As bolsas de valores da Ásia caíram nesta sexta-feira e moedas dependentes do crescimento da economia, como o dólar australiano, afundaram depois de números que mostraram uma menor atividade industrial na China e na zona do euro alimentaram receios de um desaquecimento na economia global.

REUTERS

23 de março de 2012 | 07h46

Ações de companhias ligadas a commodities como BHP Billiton ficaram entre as que tiveram as maiores perdas, mas o petróleo se recuperou após ter caído no overnight e o cobre deixou o menor nível em duas semanas.

"O medo de que a economia chinesa está tendo um pouso forçado está crescendo, mais do que deveria, acreditamos", disse o estrategista Vincent Chaigneau, da Société Générale. "As preocupações com a Europa estão aumentando de novo, tendo em vista a fraca economia", acrescentou.

Às 7h24 (horário de Brasília), o índice MSCI para região Ásia-Pacífico com exceção do Japão caía 0,09 por cento, a 438 pontos, se aproximando de uma perda na semana de quase 2 por cento.

O índice Nikkei, da bolsa de Tóquio fechou em queda de 1,14 por cento, a 10.011 pontos.

Os dados fracos das duas maiores economias continentais da Europa sugerem que a zona do euro não poderá evitar uma recessão, enquanto na China um economista sênior do governo afirmou que a economia está enfrentando uma pressão maior do que a esperada.

Apesar da desaceleração na Europa e na China serem esperadas, investidores estão preocupados com a queda de encomendas em ambas as regiões, que disparou preocupações de que um recuo severo e não esperado da economia possa dissipar a recuperação global.

A bolsa de Seul encerrou em ligeira alta de 0,04 por cento, enquanto o índice referencial de Xangai perdeu 1,10 por cento e Cingapura ganhou 0,36 por cento. A bolsa de Taiwan subiu 0,21 por cento, o mercado recuou 1,11 por cento em Hong Kong e o mercado em Sydney teve baixa ligeira de 0,08 por cento.

Tudo o que sabemos sobre:
BOLSAASIAFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.