Bolsas da Ásia seguem Nova York e sobem

A Bolsa de Hong Kong registrou seu maior ganho em ponto percentual durante um pregão, influenciada pelo terceiro pregão consecutivo de alta em Nova York. O mercado foi favorecido ainda pelo anúncio do governo de que vendeu a totalidade da cota de 6 bilhões de dólares de Hong Kong no fundo que acompanha títulos do país. O índice Hang Seng terminou o dia em 9.336,39 pontos, alta de 370,66 pontos (4,1%). Na Coréia do Sul, as ações foram sustentadas por avanço entre os papéis de semicondutores. O índice Kospi fechou em alta de 15,30 pontos (2,49%), em 629,57 pontos. Em Taiwan, o mercado encerrou o dia com ganho pela segunda sessão consecutiva, no melhor nível em duas semanas. A alta em Wall Street embalou os negócios, levando o índice composto da Bolsa de Taipei para 4.131,47 pontos, alta de 220,49 pontos (5,64%).Na Malásia, as preocupações com implicações da explosão ocorrida sábado em Báli seguiu prejudicando o pregão. O índice de Kuala Lumpur fechou em 624,16 pontos, queda de 5,85 pontos (0,93%). Em Manila, nas Filipinas, o índice PSE caiu 19,82 pontos (1,86%) e encerrou em 1.047,69 pontos. Em Cingapura, o índice Strait Times subiu 51,24 pontos (3,72%) e fechou em 1.429,68 pontos. Na Tailândia, o índice SET avançou 4,43 pontos (1,37%) e fechou em 328,29 pontos. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.