Bolsas da Austrália e Tóquio sobem com metais e petróleo

Barril atingiu pico em cinco semanas na segunda, com sinais de recuperação que podem aumentar a demanda

Reuters,

29 de dezembro de 2009 | 07h57

A alta do petróleo e dos metais elevou a bolsa de valores da Austrália e do Japão nesta terça-feira, 29, enquanto outros mercados da Ásia foram abatidos por uma menor atividade no fim do ano. O petróleo atingiu pico em cinco semanas na segunda-feira, por expectativas de um clima frio nos Estados Unidos e com sinais de recuperação econômica que podem aumentar a demanda.

 

O índice MSCI, de papéis do Pacífico asiático com exceção do Japão, subia 0,56%, para 411 pontos por volta às 7h27 (horário de Brasília). Em Tóquio, a bolsa teve variação positiva de 0,04%, para 10.638 pontos.

 

"Os investidores parecem estar usando os últimos dias do ano para procurar ações... ligadas aos mercados emergentes, que provavelmente continuarão fortes no ano que vem, assim como ações relacionadas a matérias-primas", disse Noritsugu Hirakawa, estrategista do Okasan Securities.

 

Em Sidney, o índice ganhou 1,13%, para 4.845 pontos. A BHP Billiton, maior mineradora do mundo, teve alta de 1,1%, atingindo a máxima em quase 18 anos. A Newcrest Mining, maior empresa de ouro do país, subiu 0,4%.

 

Em Seul, houve queda de 0,78%, para 1.672 pontos. Em Xangai, a bolsa subiu 0,72%, para 3.211 pontos. Já o mercado de Hong Kong teve oscilação positiva de 0,09%, para 21.499 pontos.

Tudo o que sabemos sobre:
BolsasÁsiapetróleo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.