Bolsas de NY fecham em leve alta à espera dos balanços trimestrais de empresas americanas

Em pregão volátil, Dow Jones avança 0,07% e Nasdaq ganha 0,17% 

Efe,

21 de abril de 2010 | 18h15

O índice Dow Jones Industrial, de referência em Wall Street, fechou hoje em alta de 0,07%, aos 11.124,92 pontos, num pregão volátil e com os investidores atentos aos resultados trimestrais de grandes empresas americanas.

 

Já o índice seletivo S&P 500 perdeu 0,10%, para os 1.205,93 pontos, e o indicador da bolsa eletrônica, a Nasdaq, ganhou 0,17%, aos 2.504,61.

 

O setor de empresas de equipamento e maquinaria (0,96%), de produtos de consumo cíclico (0,49%) e o industrial (0,33%) tiveram um pregão mais positivo que os demais. Os segmentos de companhias relacionadas a atendimento de saúde (-1,3%) e os de energia e financeiro (-0,6%), por exemplo, tiveram recuos mais agudos.

 

As ações da Boeing (3,85%) e da United Technologies (3,68%) registraram as maiores altas entre as empresas do Dow Jones, após anunciarem lucros no trimestre passado superiores ao esperado.

 

Outras empresas incluídas no Dow com fechamento positivo foram Procter&Gamble (0,7%), 3M (0,5%) e Caterpillar (0,37%). 

 

O dia foi desfavorável, por outro lado, para as ações de Merck (-3,66%), Bank of America (-1,77%), Intel (-1,24%), AT&T (-1,2%) e JPMorgan Chase (-1,16%).

 

Fora do índice referencial, as ações da Apple subiram 5,98% e as da financeira Morgan Stanley avançaram 4,04%, após anunciarem também resultados favoráveis nos três primeiros meses do ano.

 

No entanto, a corporação AMR, matriz da American Airlines, registrou forte prejuízo no período e suas ações caíram 9,23%. A dívida pública americana a dez anos suba de preço, paraoferecer uma rentabilidade de 3,74%.

Tudo o que sabemos sobre:
Nova Yorkbolsasfechamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.