Bolsas europeias cedem com tensão na Líbia

As bolsas europeias fecharam em forte queda ontem, em meio ao nervosismo dos investidores com o aumento da tensão no norte da África e no Oriente Médio. A Bolsa de Milão, com maior exposição à Líbia, onde a violência aumentou, estava entre as que mais se ressentiram com a instabilidade na região e o índice FTSE MIB fechou em queda de 3,59%. Na Bolsa de Londres, o índice FT-100 fechou em baixa de 1,12%, em 6.014,80 pontos. Na Bolsa de Frankfurt, o índice Xetra-DAX fechou em queda de 1,41%, em 7.321,81 pontos. Em Paris, o índice CAC-40 fechou com perda de 1,44%, em 4.097,41 pontos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.