Jose R. Lopez/The New York Times
Jose R. Lopez/The New York Times

Bolsas ficarão fechadas na quarta-feira para homenagear George H. W. Bush

Na próxima segunda-feira, 3, a NYSE informa que também irá observar minuto de silêncio em honra ao ex-presidente americano

Agência Estado, O Estado de S.Paulo

01 Dezembro 2018 | 17h12

NOVA YORK - Os mercados acionários americanos ficarão fechados na próxima quarta-feira (5), por causa do Dia Nacional de Luto, determinado pelo presidente dos EUA Donald Trump em homenagem ao ex-presidente norte-americano George H. W. Bush, que morreu nesta sexta-feira, 30.

 

"A Bolsa de Nova York (New York Stock Exchange), a NYSE American, a NYSE National, a NYSE Arca, e a Bolsa de Chicago (Chicago Stock Exchange), parte da rede global da Intercontinental Exchange (NYSE:ICE), ficarão fechadas na quarta-feira, 5 de dezembro de 2018, em observância ao Dia National de Luto pelo presidente George H. W. Bush", afirmou neste sábado o NYSE Group.

Adicionalmente, a NYSE informa que na próxima segunda-feira (3), irá observar um minuto de silêncio às 9h20 (horário local), também em honra ao ex-presidente. Uma única batida do sino da bolsa, no horário marcado, vai indicar o inicio dessa manifestação.

"Lembramos o presidente Bush com admiração como um veterano que lutou contra o totalitarismo, um estadista que defendia a liberdade, um líder que serviu a seu país, e um homem de família dedicado", declarou o presidente do NYSE Group, Stacey Cunningham. "Ele será lembrado por suas décadas de serviço à nação e ao mundo, e é apropriado que a Bolsa de Nova York feche na quarta-feira, Dia Nacional do Luto, para homenagear o duradouro legado do presidente Bush".

A Nasdaq também anunciou o fechamento dos mercados de ações e opções na quarta-feira (5) e a homenagem com um minuto de silêncio na próxima segunda-feira, às 9h20.

Mais conteúdo sobre:
George H. W. BushNasdaq

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.