Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

coluna

Coluna Dan Kawa: Juro baixo é bom, mas impõe desafio ao investidor

Bolsonaro diz a governadores que investir no Brasil 'é esporte de altíssimo risco'

O presidente ressaltou que é preciso avaliar o que se pode fazer para equilibrar as contas públicas e afirmou que, agora, não se pode falar em ideologia

Mariana Haubert, O Estado de S.Paulo

08 de maio de 2019 | 11h16

BRASÍLIA - O presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou nesta quarta-feira, 8, que investir no Brasil "é um esporte de altíssimo risco" por causa da situação econômica ruim que o País enfrenta. Em encontro com 25 governadores e vice-governadores nesta manhã, ele pediu união para que o Brasil enfrente a crise, mas em troca recebeu uma lista de demandas com seis itens para ajudar na recuperação das contas dos Estados..

"Temos que facilitar a vida de quem quer produzir e de quem tem coragem ainda de investir no Brasil, o que é um esporte de altíssimo risco dada a situação que temos agora", disse.

Em busca de apoio para viabilizar a aprovação da reforma da Previdência no Congresso, o presidente ressaltou que é preciso avaliar o que pode ser feito para equilibrar as contas públicas. "Não podemos falar agora em ideologia, temos que ter um norte que sirva para todos nós. O governo está aberto aos governadores para o diálogo", afirmou.

Bolsonaro defendeu ainda que é preciso ceder em determinados momentos para "ganhar lá na frente". "Se todos agirmos com esse espírito, o Brasil sai da situação em que se encontra. Estamos no mesmo barco e o mar não é de almirante. Mas se nós juntos dermos as mãos e focarmos no que interessa, nós podemos sair da situação em que nos encontramos", disse.

Os governadores, no entanto, condicionaram o apoio à aprovação da reforma da Previdência, ao compromisso do Planalto de atender as reivindicações dos Estados que precisam reequilibrar suas contas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.