Bombardier lança jato para concorrer com Embraer

Líder no mercado mundial na fabricação de jatos comerciais de até 110 lugares, a Embraer terá uma nova disputa a partir desta semana. É que a concorrente Bombardier lançou na segunda-feira, 19, um novo modelo de jato regional de 100 lugares para competir com a Embraer.A empresa canadense informou que o CRJ1000 já nasceu com uma carteira de 38 pedidos, que começam a ser entregues em três anos. Dessas encomendas, 15 podem ser convertidas para o modelo CRJ900. Lançada há 8 anos, a família de jatos regionais Embraer 170/190 tem 184 aeronaves em operação e mais de 500 mil horas de vôo. Somente no terceiro trimestres do ano passado recebeu 87 novos pedidos e no total já são mais de 450 encomendas.No preço médio de lista, cada unidade do Embraer 195 custa cerca de US$35 milhões e pode ser configurado em até 122 lugares. Já o CRJ1000 deve custar em torno de US$46 milhões, pode ter carga máxima de 41,6 mil quilos e atinge cerca de 3 mil quilômetros, mesmo alcance do Embraer 195.Por causa do feriado de Carnaval, nenhum diretor da Embraer, nem a assessoria de imprensa, foram encontrados para comentar o assunto.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.