Bons números de obras e auxílio-desemprego nos EUA

No dia em que o National Bureau of Economic Research (NBER) informou que a recessão americana terminou oficialmente em novembro de 2001 , foram divulgados dois dados positivos sobre a maior economia do mundo. O número de obras residenciais iniciadas em junho nos EUA cresceu 3,7%, para a média anual sazonalmente ajustada de 1,803 milhão, informou o Departamento do Comércio. Em maio, foi registrada alta de 6,8% nas obras iniciadas, para 1,738 milhão. Anteriormente, o Departamento havia previsto alta de 6,1% no número de obras iniciadas. O número de permissões para novas construções subiu pelo terceiro mês consecutivo, em 0,8% em junho. As variações superaram as previsões dos analistas de alta de 0,6% no número de obras iniciadas e de queda de 1,7% nas novas permissões. Auxílio-desemprego O Departamento do Trabalho informou que o número de pedidos de auxílio-desemprego caiu 29 mil na semana passada, ante previsão de recuo de 29 mil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.