Bovespa cai 1% após pesquisa eleitoral

Bovespa cai 1% após pesquisa eleitoral

Levantamento mostrou avanço da presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição, e recuo de Marina Silva, candidata do PSB

Márcio Rodrigues, O Estado de S.Paulo

19 de setembro de 2014 | 17h18

Após a pesquisa Datafolha mostrar a candidata à reeleição, Dilma Rousseff, mais bem posicionada ante sua principal adversária, Marina Silva (PSB), a Bovespa teve outro pregão de realização de lucros. Apesar disso, diante dos diversos levantamento publicados nos últimos dias, a semana foi de ganhos para a bolsa doméstica, após perda de 6,19% na semana passada.

Hoje, o Ibovespa fechou em queda de 1,00%, aos 57.788,70 pontos, após oscilar entre a mínima de 57.513,84 pontos (-1,47%) e a máxima de 58.516,35 pontos (+0,24%). O giro financeiro ficou em R$ 7,778 bilhões. Na semana, o índice ganhou 1,51%, depois de duas retrações semanais consecutivas. No mês acumula retração de 5,71% e no ano sobe 12,20%. 

Entre os destaques de alta nesta sexta-feira estiveram Marcopolo (+5,62%), Oi PN (+4,19%) e Hering ON (+3,01%). No campo negativo, Itaúsa PN (-3,40%), TIM ON (-3,25%) e Klabin Unit (-3,20%) lideraram as perdas. No grupo das blue chips, todas caíram: Petrobrás (ON -1,78% e PN -1,78%), Vale (ON -2,65% e PN -2,73%), Itaú (-2,38%) e Bradesco (-2,31%). Banco do Brasil (-1,87%).

A pesquisa Datafolha, divulgada nesta madrugada, colaborou para a queda do Ibovespa. Os investidores já começaram o dia com os números em mãos. De acordo com o levantamento, subiu para sete pontos porcentuais a vantagem de Dilma, que tem 37% das intenções de voto, contra 30% de Marina no primeiro turno. Enquanto a presidente oscilou em alta, Marina caiu três pontos porcentuais. O candidato do PSDB, Aécio Neves, também avançou, passando de 15% para 17%. Em uma simulação de segundo turno, porém, persiste a situação de empate técnico. Marina ainda lidera, mas a diferença entre as duas, que já foi de dez pontos porcentuais, caiu agora para apenas dois pontos, 46% a 44%.

Em meio a isso, a falta de direcionamento das bolsas norte-americanas colaborou para manter a fraqueza do mercado doméstico. Hoje, em Nova York, ocorreu o fenômeno conhecido como "quadruple witching", quando vencem simultaneamente opções e futuros de índices e opções e futuros de ações. Nesse ambiente, o Dow Jones fechou em alta de 0,08%, aos 17.280,06 pontos, o S&P 500 caiu 0,05%, para 2.010,00 pontos, e o Nasdaq perdeu 0,30%, aos 4.579,79 pontos.

Nos EUA, a principal notícia do dia foi a estreia na NYSE das ações da gigante chinesa de compras Alibaba. A oferta pública inicial (IPO) dos papéis da empresa foi uma das maiores do mundo e a maior da história dos Estados Unidos, totalizando US$ 21,8 bilhões. As ações terminaram o pregão com valorização de 38,07%.

Tudo o que sabemos sobre:
bovespadatafolha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.