Covid-19

Bill Gates tem um plano para levar a cura do coronavírus ao mundo todo

Bovespa chega à máxima do dia e zera as perdas do mês

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) chegou ao patamar máximo dia pouco antes das 15 horas. Em 19.686 pontos, a Bolsa registrou alta de 3,04% e zerou as perdas do mês. De qualquer forma, no acumulado do ano, até ontem, a queda da Bolsa é de 14,24%. O investimento em ações lidera o ranking das maiores perdas em 2004 (veja o ranking completo no link abaixo).Às 15h02, o dólar comercial opera no patamar mínimo do dia, cotado a R$ 3,1360 na ponta de venda das operações, em baixa de 0,76% em relação aos últimos negócios de ontem. No mercado de juros futuros, as taxas estão em queda. Os contratos com taxas pós-fixadas (DIs) negociados na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), com vencimento em janeiro de 2005, pagam taxa de 17,500% ao ano, frente aos juros de 17,710% ao ano ontem. O crescimento do PIB no primeiro trimestre - 2,7% em relação a igual período de 2003 e 1,6% se comparado com o último trimestre do ano passado - reforçou a ata otimista do Comitê de Política Monetária (Copom). A ata reafirma a solidez da economia, apesar do cenário externo adverso e sinaliza que a estabilidade dos preços está garantida. De acordo com a ata, a instabilidade recente está "longe de se configurar" como um quadro de crise.O resultado do PIB trimestral ficou dentro das previsões dos analistas e se for considerado o critério de previsão média até superou as expectativas. O mercado vê a expansão do PIB como uma notícia positiva também pelo lado político. É um atestado de que a política econômica conservadora do governo está no rumo certo.Do lado externo, as notícias também foram favoráveis. O preço do petróleo desabou, depois de ter tocado recentemente em US$ 42,00 o barril. Às 14h12, o contrato para entrega em julho era negociado na Nymex a US$ 39,65, queda de 2,58%, reagindo à expectativa de aumento da produção pela Opep e pela Arábia Saudita.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.