Bovespa e dólar sobem; juros caem

Mercado tem fortes oscilações por causa da insegurança dos investidores com a saúde da economia dos EUA

Claudia Violante, Silvana Rocha e Denise Abarca, O Estadao de S.Paulo

19 de dezembro de 2007 | 00h00

A Bovespa e o dólar acompanharam de perto, ontem, a volatilidade das Bolsas em Nova York. Apesar da reação negativa ao discurso do secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Henry Paulson, que repetiu comentários da véspera de que o plano de prevenção de execuções hipotecárias não é uma ''''bala de prata'''', os mercados de ações reverteram as perdas e fecharam em alta. O leilão de refinanciamento de US$ 502 bilhões conduzido pelo Banco Central Europeu, o resultado acima do esperado do Goldman Sachs no 4º trimestre fiscal e o dado melhor do que o previsto sobre o início de construções residenciais em novembro nos EUA acalmaram momentaneamente os ânimos. A Bolsa paulista subiu 2,12%, aos 61.096,3 pontos. O dólar avançou 0,06%, a R$ 1,813 na BM&F e a R$ 1,814 no balcão. O juro de janeiro 2010 recuou a 12,54%.FRASEVladimir CaramaschiEconomista da Fator Corretora"O Fed deve acentuar o corte dos juros e levar a taxa a 3% em meados de 2008. Com estaatuação, a economia dos EUA não entrará em recessão"

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.