Bovespa e dólar têm dia de quedas

Bolsa paulista segue cautela em Wall Street antes da decisão do BC americano hoje; dólar descola-se e recua

Paula Laier, Claudia Violante e Denise Abarca, O Estadao de S.Paulo

31 de outubro de 2007 | 00h00

Os mercados muniram-se de cautela na véspera da decisão do Comitê de Mercado Aberto do Federal Reserve (Fomc) . Houve queda nas bolsas aqui e em Nova York, e alta para os juros na BM&F, com o contrato de janeiro de 2010 em 11,54%. O dólar não seguiu o ajuste. Nem a atuação agressiva do Banco Central no segmento à vista, cujo volume adquirido foi estimado em US$ 1,3 bilhão, impediu a moeda de sustentar-se em R$ 1,75. Fechou a R$ 1,752 no balcão (-0,28%) e na BM&F (-0,11%). Ao longo do dia, a Bovespa teve perda moderada, mas, no final, a queda nos preços do petróleo pesou sobre as ações da Petrobras. O Ibovespa cedeu 1,02%, a 64.383 pontos. Um dos motes para a postura defensiva do investidor foi o surgimento de apostas na manutenção do juro nos EUA hoje, mas a expectativa majoritária é de corte na taxa para 4,50%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.