Bovespa fecha em alta de 1% por bancos após STF adiar julgamento sobre planos econômicos

A Bovespa encerrou esta quarta-feira em alta superior a 1 por cento, sustentada pelas ações da Petrobras e de bancos, após o Supremo Tribunal Federal (STF) adiar julgamento sobre as perdas da poupança geradas por planos econômicos das décadas de 1980 e 1990.

Reuters

28 de maio de 2014 | 17h06

Segundo dados preliminares, o Ibovespa subiu 1,11 por cento, a 52.755 pontos. O giro financeiro do pregão foi de 5,28 bilhões de reais.

(Por Priscila Jordão)

Tudo o que sabemos sobre:
BOVESPAFECHAPRELIM*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.