Bovespa opera em queda de 2,92%

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) abriu em baixa, ajustando-se à forte queda das bolsas internacionais e à alta do petróleo registradas ontem no exterior durante o feriado no Brasil. Porém, a queda pode não ser tão acentuada durante o dia, já que o cenário externo está um pouco menos instável nessa manhã. Há pouco, os negócios com o petróleo bruto do tipo Brent para entrega em novembro estavam em alta de 0,01% em Londres, a US$ 34,60 por barril. A Bovespa acumula queda de 2,92%.Os maus indicadores divulgados há pouco nos EUA parecem não ter afetado de forma significativa os negócios no mercado acionário dos EUA. A inflação ao produtor (PPI) atingiu 0,9% em setembro. A expectativa era de 0,5%. A Nasdaq - bolsa dos Estados Unidos que negocia papéis do setor de tecnologia e Internet - está em alta de 0,20% e o índice Dow Jones - que mede a valorização das ações de empresas mais negociadas em Nova York - registra alta de 0,28%. A expectativa é de um cenário instável hoje ao longo do dia. O agravamento do conflito no Oriente Médio e a continuidade da divulgação de resultados negativos por parte de empresas do setor de tecnologia e Internet nos EUA podem deixar os investidores mais pessimistas. Hoje saem números da Boise Cascade e ontem a Home Depot e Union Carbibe divulgaram alertas negativos. Veja no link abaixo a abertura do dia nos mercados de juros e câmbio.

Agencia Estado,

13 de outubro de 2000 | 11h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.