Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Bovespa recupera 64 mil pontos e acumula alta de 70% no ano

Bolsa fecha a sexta-feira em alta de 0,49%, aos 64.071,01, maior patamar desde 30 de junho do ano passado

Claudia Violante, da Agência Estado,

09 de outubro de 2009 | 17h30

A agenda tranquila desta sexta-feira, 9, e o feriado brasileiro na próxima segunda-feira - atrativos a uma realização de lucros depois de uma semana forte de ganhos - não foram impeditivos para mais uma sessão de ganhos para a Bovespa. E o que parecia pouco provável há algumas semanas hoje virou fato: depois de galgar os 63 mil pontos, nesta última quinta-feira, nesta sexta o índice cravou os 64 mil, maior nível do ano. O Ibovespa fechou a sexta-feira em alta de 0,49%, aos 64.071,01, maior patamar desde 30 de junho do ano passado (65.017,60 pontos).

 

Veja também:

linkDólar não sustenta alta e cai a R$ 1,73 em dia esvaziado

 

Na mínima do dia, atingiu 63.493 pontos (-0,42%) e, na máxima, os 64.177 pontos (+0,65%). Na semana, os ganhos chegaram a 4,74%, no mês, a 4,15%, e, no ano, a 70,63%. O giro financeiro hoje perdeu um pouco do fôlego dos últimos dias ao somar R$ 4,788 bilhões. Os dados são preliminares.

 

A sexta-feira tinha bons argumentos para ser um dia de realização de lucros. O feriado em homenagem à Padroeira do País, na segunda-feira, com as Bolsas norte-americanas em funcionamento era um deles, ao lado dos ganhos consideráveis acumulados nas últimas sessões, em meio a um dia relativamente calmo.

 

Mas os investidores preferiram ir além. Aproveitaram que o déficit comercial norte-americano surpreendeu positivamente ao recuar - ao invés de subir, como era esperado - e foram às compras, ainda reagindo a recomendações favoráveis do setor de tecnologia e os comentários do presidente do Federal Reserve, Ben Bernanke, sobre política monetária.

 

Nesta última quinta-feira à noite, Bernanke disse durante um discurso que o Fed reverterá o curso de sua política e promoverá um aperto monetário quando a perspectiva econômica tiver melhorado o suficiente, mas afirmou que a atual política acomodatícia ainda será necessária por um período prolongado. Já o déficit norte-americano caiu para US$ 30,71 bilhões em agosto, de US$ 31,85 bilhões em julho. Os economistas esperavam elevação para US$ 33,6 bilhões.

 

Dow Jones fechou em alta de 0,80%, aos 9.864,94 pontos, o S&P 500 avançou 0,56%, aos 1.071,49 pontos, e o Nasdaq terminou com elevação de 0,72%, aos 2.139,28 pontos.

 

A queda das commodities metálicas não impediu a alta das ações da Vale, que tiveram um empurrãozinho de dois relatórios de bancos estrangeiros. O JPMorgan elevou suas estimativas para os papéis da brasileira para incorporar melhores perspectivas de preço para os metais básicos. E o Merrill Lynch estimou que a produção da Vale em 2010 deve ficar entre 330 milhões e 340 milhões de toneladas, acima das estimativas iniciais do banco, de 300 milhões de toneladas.

 

Vale ON terminou em alta de 0,51% e PNA, em +0,51%. No setor siderúrgico, Gerdau PN, +0,04%, Metalúrgica Gerdau PN, +1,02%, Usiminas PNA, +1,62%, e CSN ON, -0,18%.

 

Petrobrás já contou com a ajuda do petróleo, que subiu 0,11%, para US$ 71,77 o contrato para novembro negociado na Nymex. A ação ON registrou valorização de 0,12% e a PN, de 0,54%.

 

Gol PN foi a maior alta do Ibovespa na sessão, com +3,69%. Os papéis reagiram ao resultado da oferta de ações, divulgado ontem à noite. A Gol levantou R$ 1,026 bilhão com a oferta, ao conseguir R$ 16,50 por ação. TAM PN acompanhou e foi a segunda maior alta do índice, de 3,45%.

Tudo o que sabemos sobre:
mercado financeirobolsaBovespa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.