Bovespa se recupera na esteira de NY e fecha em leve alta

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) encerrou a segunda-feira, dia 26, em leve alta, acompanhando uma ligeira recuperação nas bolsas norte-americanas no fim do dia. No final do dia, o Ibovespa - índice que mede o desempenho das ações mais negociadas na Bolsa - fechou em alta de 0,25%. O volume financeiro ficou em R$ 2,7 bilhões. O dólar comercial fechou em queda de 0,10% em relação aos últimos negócios de sexta-feira, cotado a R$ 2,0600.Pela manhã, os mercados reagiram negativamente aos dados que mostraram queda de 3,9% nas vendas de novas moradias nos Estados Unidos, ante expectativa de alta. Os números reacenderam preocupações com o mercado imobiliário norte-americano, pois este é mais um indicativo das condições econômicas dos Estados Unidos. Ao longo do dia, porém, as bolsas retomaram fôlego aos poucos e reverteram o declínio. Em Nova York, as ações de tecnologia subiram, impulsionadas por comentários positivos sobre empresas como a Dell Inc. O Nasdaq - bolsa que negocia ações de tecnologia e internet - fechou o dia em alta de 0,27%. Já o Dow Jones - índice que mede o desempenho das ações mais negociadas na bolsa de Nova York - caiu 0,10%. ExpectativasO mercado aguarda, na quarta-feira, a fala do presidente do banco central dos Estados Unidos, Ben Bernanke. Ele falará sobre as perspectivas para a economia. A semana prevê ainda a leitura final do Produto Interno Bruto (PIB) norte-americano no quarto trimestre, relatório de renda e consumo pessoal - acompanhado de uma importante medida de inflação, o índice PCE - e dados do setor manufatureiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.