Bovespa sobe 1,36% e garante ganho de 0,56% na semana

O otimismo tomou conta dos mercados globais ontem, quando as bolsas na Ásia, Europa e Estados Unidos encerraram em alta e foram acompanhadas pela Bovespa. A previsão dos feriados hoje e amanhã no País , no entanto, reduziu o fôlego dos investidores domésticos e o principal índice à vista fechou com um ganho menor em relação ao exterior. O Ibovespa terminou em elevação de 1,36%, aos 67.058,02 pontos. Apesar do tombo de 1,90% de segunda-feira, o índice conseguiu fechar a semana curta com ganho, de 0,56%. No mês, acumula perda de 2,23% e, no ano, recuo de 3,24%. O giro financeiro totalizou R$ 6,707 bilhões.

Claudia Violante, O Estado de S.Paulo

21 de abril de 2011 | 00h00

No exterior, os bons balanços corporativos e os dados do setor imobiliário norte-americano impulsionaram as ações, enquanto os leilões bem-sucedidos de títulos de Espanha e Portugal ajudaram no clima positivo. Em Nova York, o Índice Dow Jones encerrou em alta de 1,52% e o S&P500 subiu 1,35%.

No mercado de juros, os investidores chegaram ao dia da reunião do Copom apostando que a Selic seria elevada em 0,25 ponto porcentual, para 12% ao ano, provavelmente em votação unânime. O IPCA-15 de abril acima do índice de março, mas dentro das expectativas do mercado, não deu força à projeção de alta de 0,5 ponto na curva a termo. O juro para junho de 2011 fechou estável em 11,96%; a taxa para julho de 2011 terminou em 12,01%, de 12,03% na véspera; e o contrato de janeiro de 2012 passou de 12,25% para 12,24%.

Em sintonia com o exterior, o dólar à vista caiu, 0,38%, a R$ 1,570 no balcão - menor valor desde 4/8/2008. Na semana, a moeda perdeu 0,51%. Neste mês, a baixa é de 3,68% e, no ano, de 5,65%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.