Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Bovespa vira no final e cede 0,20%

Queda reflete sinal da ata do Fed para recessão mais profunda e recuperação mais lenta da economia nos EUA

Claudia Violante, Silvana Rocha e Denise Abarca, O Estadao de S.Paulo

21 de maio de 2009 | 00h00

A Bovespa fechou, ontem, em queda de 0,20%, aos 51.245,09 pontos, repetindo o comportamento de terça-feira. O Ibovespa operou em alta durante a maior parte da sessão, mas, nos minutos finais, perdeu o fôlego, acompanhando a inversão para baixo das bolsas norte-americanas. A ata da última reunião do Comitê de Política Monetária do Federal Reserve foi a responsável pela queda em Nova York, ao sinalizar uma recessão mais profunda e uma recuperação mais lenta para a economia. Em Wall Street, o índice Dow Jones perdeu 0,62% e o Nasdaq cedeu 0,39%. O dólar no mercado doméstico aproximou-se dos R$ 2,00 à tarde e o Banco Central comprou mais de US$ 1 bilhão. Contudo, mais uma vez, a ação apenas conteve o ritmo de queda das cotações à vista. Isso porque o mercado interno, além de contar com fluxo cambial positivo e seguir o declínio externo da moeda americana, foi pressionado adicionalmente por movimentos técnicos. O dólar no balcão caiu pelo 3º dia consecutivo, para R$ 2,028 (-0,34%) - ainda o menor valor desde 2/10/08. Nos juros, o resultado da 2ª prévia do IGP-M, abaixo da previsão do mercado, determinou mais um dia de queda. A taxa de janeiro de 2010 cedeu a 9,26%

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.