BP finaliza cimento em poço e deve agora realizar testes

A companhia petrolífera britânica BP informou neste sábado que terminou de cimentar o fundo do poço Deepwater Horizon e agora deve começar a testá-lo. A companhia informou, em comunicado, que as operações de cimento, a etapa final do esforço para interromper o vazamento localizado no Golfo do México, foram encerradas às 20h30 da sexta-feira (hora local).

AE-DJ, Agencia Estado

18 de setembro de 2010 | 16h24

O procedimento inclui o preenchimento com cimento do buraco entre a cobertura do poço e a formação rochosa que o circunda. Mais cedo, a companhia informou que o poço estará completamente fechado após o cimento secar. Caso esse procedimento seja bem-sucedido, ele representaria o fim oficial da resposta ao vazamento, que lançou mais de 4 milhões de barris de petróleo no Golfo do México. Trata-se do maior desastre ambiental desse tipo na costa norte-americana na história do país.

O petróleo parou de vazar quando a BP fechou uma válvula em julho, e depois lançou cimento no topo do mecanismo, em agosto. Porém o líder do esforço federal para tratar do problema, o almirante da reserva da Guarda Costeira Thad Allen, disse que o preenchimento com cimento do poço, através de um poço de alívio, em uma operação conhecida como "bottom kill", era ainda necessário para garantir que não houvesse mais vazamentos.

O vazamento começou com a explosão ocorrida em 20 de abril no poço. Onze funcionários da petroleira morreram no acidente. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
petróleoBPvazamentoGolfo do México

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.