Wilton Júnior/Estadão
Wilton Júnior/Estadão

BR Partners ganha licitação para fazer avaliação da Eletrobrás

Banco, que estreou esta semana na B3, fará a avaliação econômico-financeira da estatal, cuja capitalização deverá ocorrer no primeiro trimestre de 2022

Fernanda Guimarães, O Estado de S.Paulo

26 de junho de 2021 | 11h14

O banco BR Partners ganhou a licitação para fazer a avaliação da Eletrobrás em seu processo de capitalização. A seleção ocorreu após o envio, pelos bancos contatados de propostas, que foram posteriormente analisadas pelo assessor financeiro no processo, no caso o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES).

A avaliação econômico-financeira é um dos primeiros passos para que a estatal caminhe para sua privatização. Nesta semana, a Câmara dos Deputados aprovou o parecer da Medida Provisória que permite a saída do governo do controle da empresa de energia elétrica.

Com isso, o governo pode seguir com os preparativos para a emissão de novas ações da companhia, prevista para o primeiro trimestre de 2022. Com novas ações, a participação do governo na Eletrobrás será diluída. Ao final, a União vai reduzir sua fatia na companhia de cerca de 60% para 45%, o que marcará sua privatização.

Ainda como parte do processo, o BNDES selecionou o banco Genial para a due diligence contábil-patrominal e jurídicas, que também são necessárias na avaliação da empresa

O BR Partners, fundado em 2009 por Ricardo Lacerda, Andrea Pinheiro e Jairo Loureiro, estreou nesta semana na Bolsa brasileira após realizar uma oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) que somou R$ 400 milhões. Na primeira semana como companhia aberta suas ações subiram cerca de 30%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.