Bradesco chega a R$ 330 milhões em microcrédito

O Bradesco confirmou ter encerrado maio com R$ 330 milhões em operações de microcrédito, com 650 mil contratos realizados, consolidando a posição de maior aplicador de recursos nessa modalidade de financiamento. O microcrédito foi lançado em agosto do ano passado e estabelece o direcionamento obrigatório de 2% dos depósitos à vista para financiamento a juros de 2% ao mês. Dessa forma, confirma fonte do Bradesco, que sem levar em conta o saldo médio de exigibilidade de aplicação, o Bradesco já atingiu sua cota.O valor médio das operações é de R$ 510,21, com prazo médio de 10,5 meses. Clientes pessoa física da área de varejo, correntistas do Banco Postal e aposentados foram os maiores tomadores desses recursos. Microempreendedores também apresentaram boa demanda, com cerca de R$ 12 milhões em financiamentos. De acordo com os dados do Bradesco, o número médio de contratos é de 3 mil por dia. O valor diário médio chega a R$ 1,9 milhão.

Agencia Estado,

04 de junho de 2004 | 11h48

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.