Bradesco eleva projeção para câmbio para R$ 2,10 em 2013

O Departamento de Estudos e Pesquisas Econômicas (Depec) do Bradesco revisou em alta a projeção de câmbio para 2013 e 2014. Para o fechamento de 2013, o Bradesco elevou sua projeção para R$/US$ 2,10 e, para dezembro de 2014, para R$/US$ 2,20.

SILVANA ROCHA, Agencia Estado

10 de junho de 2013 | 08h13

O Depec atribuiu a decisão ao fortalecimento do dólar norte-americano no mercado internacional, tendo em vista a expectativa de crescimento mais acelerado dos Estados Unidos. No entanto, essa depreciação é também sancionada pela rápida deterioração das contas externas brasileiras, nas quais o déficit em conta corrente cresceu praticamente 1% do Produto Interno Bruto (PIB) em apenas um ano, destaca a instituição em nota.

O Banco ressalta que, no início de maio, a moeda oscilava em torno de R$/US$ 2,00, mas nos últimos dias superou o nível de R$/US$ 2,10 e tem se mantido nesse patamar apesar das intervenções do Banco Central via venda de dólares no mercado de derivativos e da zeragem do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) sobre as aplicações de renda fixa para investidores estrangeiros.

Tudo o que sabemos sobre:
Bradescodólarprojeão2013

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.