Bradesco terá R$ 10 bi para crédito com desconto em folha

O Bradesco pretende destinar R$ 10 bilhões ao programa de crédito com desconto em folha de pagamento. O presidente da instituição, Márcio Cypriano, disse que o banco entregou hoje proposta sobre esse crédito para a Força Sindical. De acordo com ele, vários bancos fizeram propostas e a central sindical vai escolher com quais formalizar acordo. Nesse tipo de crédito, o sindicato é o intermediário entre o banco, a empresa e o trabalhador. O Bradesco pretende cobrar taxa entre 2% e 4% ao mês para os empréstimos com desconto em folha. O índice vai depender do tamanho do empréstimo, do tipo de empresa e das características do empregado que obterá o crédito. A instituição aposta mais no empréstimo com desconto em folha do que no microcrédito, para o qual destinará R$ 220 milhões. Cypriano explicou que as taxas são maiores e que a inadimplência é "quase zero" no crédito com desconto em folha. Ele lembrou ainda que o banco já possui a folha de pagamento de 19 mil empresas, o que facilitaria a concessão desse tipo de empréstimo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.