Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Brasil chega a 247,6 milhões de celulares

A base de linhas de telefonia celular ativas no Brasil cresceu 0,99% em fevereiro na comparação com janeiro. No mês passado, foi registrado o maior número de novas habilitações para todos os meses de fevereiro dos últimos 13 anos, segundo informou a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

SÃO PAULO, O Estado de S.Paulo

20 de março de 2012 | 03h05

O número de linhas móveis ativas no País somava, ao final de fevereiro, 247,62 milhões, o que representou um crescimento de 19,3% sobre a base de fevereiro do ano anterior.

Em termos de novas habilitações, o mês passado fechou em 2,44 milhões de adições. Em fevereiro de 2011, esse número havia ficado em 2,41 milhões.

Os terminais de banda larga móvel (3G) também apresentaram evolução. Cresceram 4,62% em fevereiro na comparação com janeiro. Mas, em relação ao mesmo mês do ano passado, o número de acessos dobrou, chegando a 47,2 milhões. O aumento da oferta de serviços 3G e de conteúdo móvel no País ajudaram a elevar essa marca.

Operadoras. No ranking das operadoras, apenas TIM e Vivo apresentaram crescimento em sua base de clientes em relação a janeiro. A Vivo encerrou fevereiro com uma base de 73,92 milhões de acessos, com uma participação de 29,85%, o que representa leve crescimento sobre os 29,54% registrados em janeiro.

A TIM aparece na sequência, com 65,92 milhões de acessos e fatia de 26,62%, ante 26,56% alcançados no mês anterior.

A Claro registrou 61,1 milhões de acessos em fevereiro, com uma participação de 24,66%. No primeiro mês do ano a parcela era de 24,78%.

A Oi apurou 45,96 milhões de acessos. A empresa detém 18,56% do mercado, com uma leve redução em relação aos 18,62% de janeiro./ REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.