Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Brasil compra mais de 70% dos carros argentinos

Crescimento da economia brasileira faz País recuperar seu lugar como maior comprador do setor

Marina Guimarães, da Agência Estado,

06 de fevereiro de 2008 | 14h04

O Brasil compra mais de 70% dos automóveis que a Argentina exporta e voltou a ser o principal destino dos veículos argentinos. Segundo a Associação de Fábricas de Automotores (Adefa), a Anfavea local, dos 14.972 automóveis produzidos na Argentina em janeiro, 73,1% foram vendidos ao mercado brasileiro. As exportações ao maior sócio do Mercosul representaram 36% em relação à produção argentina total do período, que foi de 41.228 unidades.   Com o crescimento da economia brasileira, o Brasil vem recuperando seu histórico lugar de comprador número um dos carros argentinos, deixando o México em segundo lugar. Em 2006, a participação do Brasil nestas exportações foi de 47,6% sobre o total das vendas argentinas externas. No ano passado, esse peso aumentou para 62,1%.   O crescimento do mercado brasileiro de 27,8%, no último ano comparado com 2006, e uma venda recorde de 2,46 milhões, além das projeções de uma alta de 10% para 2008, explicam a importância do Brasil nas exportações argentinas. Sem contar a desvalorização do peso em relação ao real, que torna os produtos argentinos mais competitivos.

Tudo o que sabemos sobre:
Automotivo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.