finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Brasil e África do Sul mostram união para reunião na OMC

Os ministros das Relações Exteriores do Brasil, Celso Amorim, e do Comércio e Indústria da África do Sul, Alex Erwin, mostraram hoje um discurso unificado a favor de que a agricultura seja um tema central da V Conferência Ministerial da Organização Mundial do Comércio (OMC) a se realizar na semana que vem em Cancún, no México. A proposta apoiada pelos dois países é a do G-20, grupo de 20 países que inclui a China, a Índia e os demais países do Mercosul. Durante encontro no Palácio Itamaraty no Rio, eles disseram que querem evitar um novo fracasso da OMC como ocorreu em Seattle (EUA), mas vão defender seus interesses. Amorim citou outros temas de interesse dos países em desenvolvimento, como regras contra medidas antidumping, mais liberdade de investimentos e tecnologia e a questão da biodiversidade.Erwin espera que os países em desenvolvimento sejam generosos como a Cláusula de Paz, que proíbe os países de serem acionados por praticar subsídios se cumprirem determinadas normas. A Cláusula de Paz acaba em dezembro deste ano e os países ricos tem interesse em prorrogá-la na reunião de Cancún.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.