Brasil e Argentina chegam a acordo sobre geladeiras

Brasil e Argentina chegaram a um acordo para terminar com o conflito sobre as importações argentinas de geladeiras brasileiras, segundo fontes empresariais argentinas. Conforme as fontes, o Brasil concordou em limitar as exportações em 285 mil unidades até o fim deste ano e 142,5 mil unidades para o primeiro semestre de 2005.De acordo com as mesmas fontes, essa cota estará condicionada a evolução do mercado argentino e será monitorada trimestralmente.Mais cedo, os empresários já haviam fechado acordo sobre cotas de fogões.Nenhum anúncio oficial foi feito até o momento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.