Brasil e Bolívia firmam acordo para comércio têxtil

Uma delegação de empresários brasileiros e 40 produtores bolivianos firmaram um protocolo de intenção para o comércio de US$ 11 milhões em produtos têxteis, segundo informou o vice-ministro das exportações da Bolívia, Huascar Ajata. Em declaração aos veículos de comunicação estatais Ajta explicou que os empresários brasileiros chegaram ao país com o "objetivo de comprar principalmente produtos têxteis, de confecções de micro e médias empresas". As negociações se realizaram a partir de convênio firmado no final do ano passado entre os presidentes Evo Morales, da Bolívia, e Luiz Inácio Lula da Silva, depois que os Estados Unidos suspenderam as tarifas preferenciais concedidas aos bolivianas, por conta da Lei de Promoção Comercial Andina de Erradicação de Drogas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.