finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Brasil é o sétimo maior mercado da Nokia

O Brasil é o sétimo entre os dez maiores mercados da fabricante de equipamentos celulares Nokia, com vendas líquidas de 1 bilhão de euros no País em 2000, segundo informou hoje o presidente da companhia, Jorma Ollila. O Brasil está, na ordem, à frente das Filipinas, Austrália e Espanha. O maior mercado é o norte-americano, com vendas líquidas de 6 bilhões de euros no ano passado. Em segundo está a China (3 bilhões), seguida do Reino Unido (cerca de 2,8 bilhões), Alemanha (2,5 bilhões), Itália (cerca de 1,1 bilhão) e França, que apresentou um resultado bem próximo ao brasileiro (todos as cifras estão expressas em euros). A empresa, que lidera as vendas de telefones celulares no mundo, anunciou nessa terça-feira seus resultados globais, com vendas líquidas totais de 30,4 bilhões de euros em 2000 e previsão de crescimento entre 25% e 35% em suas receitas globais entre 2001 e 2003.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.