carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Brasil e União Européia assinam acordo têxtil

A União Européia e o Brasil assinaram hoje o acordo para abrir reciprocamente seus mercados têxteis. Segundo o comunicado divulgado em Bruxelas pela Comissão da União Européia, órgão executivo da UE, o acordo determina que a UE remova as quotas impostas a dez produtos têxteis do Brasil. Em 2001, as exportações destes produtos foram equivalentes a 33 milhões de euros (US$ 32,9 milhões) e incluiam camisetas, calças e artigos têxteis de cama e mesa. Em contrapartida, o Brasil vai limitar as tarifas ao máximo de 20% e não aplicar qualquer tarifa adicional às exportações têxteis da UE.Os dois lados também se comprometeram a eliminar todas as tarifas sobre o setor têxtil nas negociações em curso entre a UE e o Mercosul. O chefe da comissão de Comércio da UE, Pascal Lamy, disse que o acordo mostra que a UE está "pronta para abrir o mercado de têxteis antes da data-limite de 2005 determinada pela OMC (Organização Mundial do Comércio)." O comércio no setor de têxteis entre a UE e o Brasil é praticamente equilibrado. As exportações do Brasil para os UE em 2001 totalizaram 239 milhões de euros, enquanto as exportações da UE para o Brasil atingiram 243 milhões de euros.

Agencia Estado,

06 de novembro de 2002 | 16h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.