Brasil ganha cinco Leões em Lions Health

O desempenho do País nas duas categorias do festival Lions Health foi mais modesto do que no ano passado, quando as agências nacionais receberam 17 prêmios

Fernando Scheller, enviado especial, O Estado de S.Paulo

18 Junho 2016 | 18h31

CANNES -As agências brasileiras começaram a temporada de premiações do Cannes Lions – Festival Internacional de Criatividade de 2016 com cinco Leões nas duas categorias do festival Lions Health.

Na categoria Health and Wellness (saúde e bem-estar), o País contabilizou um único Leão, de prata, para uma ação da F.biz para o creme dental Close Up, da Unilever. O Grand Prix de Health and Wellness foi para uma campanha que associava o analfabetismo a temas de saúde, desenvolvida pela FCB Inferno, de Londres, para o grupo de educação Pearson.

Em Pharma, foram quarto Leões para o Brasil: a Havas Life, de São Paulo, levou um de ouro e um de prata para uma campanha para a Teva Neuroscience; a Ogilvy Brasil ganhou uma prata para uma campanha para o canal Band Sports; e a Triunfo Sudler Brasil, de Campinas (interior de São Paulo), ficou com um bronze para uma ação para a Astellas Farma Brasil.

O Grand Prix em Pharma foi para uma campanha da Ogilvy London para a área de equipamentos médicos da Philips. Por causa do bloqueio a seios imposto a seios nus pelo Facebook e pelo Instagram, a campanha inovou ao usar “seios masculinos” para demonstrar o autoexame para câncer de mama nas redes sociais.

O desempenho do País nas duas categorias do festival Lions Health foi mais modesto do que no ano passado, quando as agências nacionais receberam 17 prêmios – 16 em Health and Wellness e 1 em Pharma.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.