Brasil ganha mais um presidente de júri no festival Cannes Lions

Executivo Luiz Sanches, sócio e diretor de Criação da AlmapBBDO, vai substituir o diretor de Criação da BBDO Worldwide, David Lubers

Fernando Scheller, O Estado de S.Paulo

22 Maio 2018 | 04h00

A menos de um mês do início do Cannes Lions – Festival Internacional de Criatividade, o Brasil ganhou seu segundo presidente de júri neste ano. O executivo Luiz Sanches, sócio e diretor de criação da AlmapBBDO, substituirá o diretor de criação da BBDO Worldwide, David Lubers, na presidência do júri de Film Lions, que escolhe os melhores filmes publicitários. O Estadão é o representante oficial do festival no Brasil.

Sanches também será o único brasileiro que atua no País a ser presidente de júri. O executivo Fernando Machado, vice-presidente global de marketing da cadeia de fast-food Burger King, que vai comandar a categoria Creative Effectiveness, trabalha nos Estados Unidos.

A presença brasileira no júri de Cannes Lions 2018 chega agora a 25 profissionais – sendo 20 que atuam no País e 5 que trabalham no exterior.

A presidência de júri é reservada a profissionais com longo histórico de premiação no festival. Entre as agências brasileiras, a AlmapBBDO é a líder isolada em títulos de agência do ano em Cannes Lions – venceu quatro vezes, nos anos 2000, 2010, 2011 e 2016.

Em 2017, a Almap também foi a empresa mais premiada em festivais internacionais de diversos portes, segundo o relatório Gunn Report. A agência já havia ficado na primeira posição no ranking em 2004, 2005 e 2010.

Mais conteúdo sobre:
Cannes Lions

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.