Brasil inicia missão comercial à Turquia e Casaquistão

Uma comitiva brasileira composta por executivos de mais de 20 empresas e chefiada pelo secretário-executivo do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic), Ivan Ramalho, inicia hoje uma missão comercial à Turquia, Usbequistão e Casaquistão. O grupo estará até o dia 2 de outubro na região para participar de seminários e rodadas de negócios com empresários locais.

ANDRÉ MAGNABOSCO, Agencia Estado

27 de setembro de 2009 | 11h40

A corrente comercial entre o Brasil e os três países atingiu quase US$ 700 milhões de janeiro a agosto deste ano. O principal parceiro na região é a Turquia, com fluxo cambial superior a US$ 600 milhões nos oito primeiros meses deste ano. A corrente comercial entre Brasil e Casaquistão somou US$ 25 milhões, enquanto que os negócios com o Usbequistão totalizaram menos de US$ 10 milhões nos oito primeiros meses de 2009, segundo dados do Mdic.

O grupo brasileiro terá representantes dos setores de alimentos, produtos químicos, automóveis, móveis, aviação, máquinas agrícolas, bebidas, esportes, couro e calçado. A missão comercial é realizada pelo Mdic em parceria com os Ministérios das Relações Exteriores (MRE), da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.