Brasil investirá US$33 bilhões em produção de cana-de-açúcar

Diretor da Câmara de Comércio do Mercosul afirma que investimentos já começaram na produção de etanol

REUTERS,

08 de setembro de 2009 | 10h49

O Brasil, maior produtor mundial de açúcar, vai investir 33 bilhões de dólares nos próximos três anos para aumentar a produção de cana-de-açúcar, que deve dobrar até 2015, disse Fabio Torquato, diretor de relações internacionais da Câmara de Comércio do Mercosul.

 

"O Brasil espera investir cerca de 33 bilhões de dólares em plantações de cana-de-açúcar (até 2012)", disse ele à Reuters durante a Cúpula Mundial de Açúcar, na Cidade do Cabo.

 

Torquato afirmou que os investimentos já começaram, voltados principalmente para a produção de etanol e serão destinados para a construção de novas usinas e reforma das que já existem.

 

"O Brasil tem o potencial de 65 milhões de hectares para novas plantações, então é um potencial alto", disse ele.

 

Ele afirmou que o Brasil precisa de mais 4 a 5 milhões de hectares de novas lavouras para dobrar sua produção, depois de colher 571,8 milhões de toneladas de cana na temporada de 2008/09.

 

"Acreditamos que podemos alcançar 1,2 bilhão de toneladas de cana produzidas em cerca de seis anos, por volta de 2015", disse Torquato. "Hoje temos cerca de 400 usinas e vamos ampliar para quase 500 até 2015", disse Torquato.

Tudo o que sabemos sobre:
cana-de-açúcarprodução

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.