Brasil passa por ?falsa euforia? nas exportações, diz AEB

O presidente da Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB), Benedicto Fonseca Moreira, afimou hoje que o Brasil passa por um momento de "falsa euforia" nas exportações, devido à depreciação cambial, que tem impulsionado as vendas externas. "Esse câmbio é irreal. Tem facilitado as exportações, mas já começa a impactar no custo dos equipamentos importados e, daqui a pouco, vai se refletir em custos com tarifas e pedágio", disse.Segundo ele, no longo prazo, o dólar alto deixa de ser atraente para o exportador e passa a ser um problema. Moreira acredita, porém, que o real tem potencial para se valorizar e que é possível manter o nível de exportações depois que isso ocorrer. Para isso, diz, o governo precisa atacar outras frentes, como as questões tributária, logística, burocrática e de financiamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.