Brasil pode receber mais recursos do Banco Mundial

O Banco Mundial pretende aumentar os desembolsos de empréstimos para o Brasil neste ano, informou o vice-presidente do Banco Mundial para a América Latina e Caribe, David De Ferranti. Ele se reuniu hoje com o ministro da Fazenda, Antonio Palocci, para encontrar formas de apressar as liberações que poderiam chegar a US$ 2 bilhões. No ano passado, o Brasil usou apenas US$ 1,250 bilhão. Ainda hoje à tarde o Banco Mundial divulgará uma nota sobre os contatos de hoje da instituição com o governo brasileiro.

Agencia Estado,

25 Março 2004 | 11h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.