Brasil sem risco de vaca louca, diz Europa

A Comissão Européia confirmou, hoje, a reclassificação do Brasil de risco geográfico de ESB (encelopatia spongiforme bovina), a doença da vaca louca, no nível 1 (risco de ESB quase inexistente). O resultado ratifica a classificação que o País havia obtido na primeira classificação comunitária, efetuada há dois anos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.