Brasil tem IED recorde de US$48,5 bi em 2010

O Brasil teve uma entrada recorde de investimento estrangeiro direto de 15,4 bilhões de reais em dezembro, quase o triplo do esperado pelo mercado. Foi o maior número desde o início da série histórica do BC, iniciada em 1995.

REUTERS

25 de janeiro de 2011 | 11h23

Com isso, a entrada líquida de inversões de não residentes no país em 2010 chegou a 48,5 bilhões de dólares, também um recorde, com um aumento de 86,8 por cento sobre o ano anterior.

O país teve déficit em transações correntes de 3,493 bilhões de dólares em dezembro. No acumulado do ano, o déficit somou 47,518 bilhões de dólares, o equivalente a 2,28 por cento do Produto Interno Bruto (PIB).

(Reportagem de Ana Nicolaci, Leonardo Goy e Peter Murphy)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROBACENEXTERNAS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.