Brasil vive bom momento e reduziu dependência externa, diz Lula

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse hoje, em discurso durante almoço que ofereceu no ao príncipe de Astúrias, Dom Felipe de Bourbón, e à esposa dele, Dona Letizia Ortiz, no Itamaraty, que a economia brasileira vive um bom momento e que o País experimenta um novo ciclo de crescimento sustentado, com expansão de seu comércio exterior. Com isso, segundo ele, está havendo também forte expansão do emprego e da massa salarial no Brasil. Ao mesmo tempo, o País conseguiu diminuir sensivelmente sua vulnerabilidade externa.O presidente salientou ainda que o País tem uma oportunidade única para aprofundar sua parceria com a Espanha e atuar de forma integrada com aquele país para implementar projetos de estímulo às pequenas e médias empresas."Temos de explorar alternativas para fazer do microcrédito um instrumento de estímulo à prosperidade das pequenos e médios empreendedores brasileiros", afirmou Lula. "Temos de estimular a presença dessas pequenas e médias empresas em nossos dois países".Ele observou que o Foro de Investimentos e Cooperação Empresarial Hispano-Barsileiro, que será realizado em São Paulo a partir de amanhã, é uma oportunidade de Brasil e Espanha concretizarem seus projetos nesses setor. "Os empresários devem voltar sua atenção para iniciativas de integração, sobretudo da infra-estrutura dos países sul-americanos", disse.TerrorismoNo discurso, Lula destacou, também, a importância de os dois países atuarem de forma conjunta na luta contra o terrorismo. Segundo ele, a Espanha tem dado exemplo de como se pode combater a violência e preservar, ao mesmo tempo, os direitos humanos. "O momento internacional que vivemos é marcado por desequilíbrios econômicos e fortes injustiças sociais", constatou. "Brasil e Espanha estão, hoje, irmanados na busca de um mundo mais justo e próspero".Lula ressaltou, ainda, a importância da decisão do governo espanhol de valorizar o combate à fome e à pobreza no mundo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.