Braskem sai do vermelho e registra lucro semestral recorde

A petroquímica Braskem informou nesta quarta-feira que, no primeiro semestre do ano, obteve lucro líquido recorde de R$ 634 milhões, em comparação às perdas do mesmo período de 2004. A empresa, maior produtora de resinas termoplásticas da América Latina, tinha perdido R$ 292 milhões no mesmo exercício do ano passado.A Braskem obteve no primeiro semestre um Ebitda - o quanto a empresa gera de recursos apenas em sua atividade, sem levar em consideração os efeitos financeiros e de impostos - de R$ 1,258 bilhão, o que representa um aumento de 10% em comparação ao obtido na primeiro metade de 2004. A receita líquida da companhia no semestre foi de R$ 5,961 bilhões, 22% a mais que no período de referência. Braskem destacou o resultado recorde de suas exportações, que no período cresceram 44% e somaram R$ 509 milhões.Em 30 de junho passado, a dívida líquida da companhia era de R$ 2,869 bilhões, o que significa uma redução de 58% frente ao fechamento do primeiro semestre do ano passado. No primeiro semestre, a Braskem investiu R$ 213 milhões, de um total de R$ 650 milhões previstos para este ano. A Braskem tem 13 indústrias no país que produzem anualmente 5,8 milhões de toneladas de resinas termoplásticas e outros produtos petroquímicos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.