Britânicos encaram filas de madrugada por liquidações depois do Natal

Tradicional Boxing Day é marcado por invasões de lojas; comerciantes britânicos estão otimistas

BBC Brasil,

26 de dezembro de 2011 | 19h03

 

 LONDRES - E os britânicos aproveitaram o dia da tradicional invasão das lojas do país para tentar comprar produtos com grandes descontos em liquidações. O tradicional Boxing Day, no dia seguinte ao Natal, é marcado pelas filas que se formam ainda de madrugada do lado de fora das lojas e centros comerciais de toda a Grã-Bretanha.

Em algumas cidades inglesas como Leeds e Birmingham, as filas começaram a se formar entre 1h30 e 2h da madrugada. As primeiras lojas só abriram suas portas às 6h da manhã.

Em algumas cidades inglesas como Leeds e Birmingham, as filas começaram a se formar entre 1h30 e 2h da madrugada. As primeiras lojas só abriram suas portas às 6h da manhã.

E mesmo com o frio, os comerciantes afirmam que o dia foi ótimo. Os lojistas da região do West End de Londres, onde estão as principais ruas de comércio da capital britânica, disseram que conseguiram arrecadar 15 milhões de libras apenas nas primeiras três horas de vendas.

A loja de departamento Selfridges, por exemplo, teve a tradicional invasão dos consumidores em Londres e relatou lucro recorde, na primeira hora de expediente, depois de abrir suas quatro lojas na Inglaterra.

Os comerciantes contam que nem a greve do metrô de Londres conseguiu atrapalhar as liquidações depois do Natal.

 

BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
britanicoscomprasnatalliquidação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.