Britânicos recomendam mudanças nos subsídios à agricultura

O relatório de uma comissão criada pelo governo britânico para reavaliar a agricultura no país propõe uma reformulação total na política européia de subsídios para o setor. A comissão de especialistas foi criada em agosto de 2001, após as crises da vaca louca e da febre aftosa.O governo indicou representantes de várias áreas que passaram os últimos cinco meses viajando pelo país conversando com representantes de produtores e da indústria de alimentos. A conclusão é avalassadora: o relatório divulgado hoje recomenda uma mudança total na forma de pagamento dos subsídios aos agricultores britânicos.A comissão sugere uma completa reformulação na Política Agrícola da União Européia. O principal ponto seria a troca dos pagamentos diretos a produtores e da política de sustentação de preços agrícolas por investimento em conservação do meio ambiente e no desenvolvimento das áreas rurais.Para a comissão, a estrutura tanto do setor rural quanto da indústria alimentícia está "doente". A secretária do Meio Ambiente, Agricultura e Assuntos Rurais do Grã-Bretanha, Margaret Beckett, disse que o relatório será a base para uma rediscussão das políticas oficiais para o setor.Segundo ela, as novas propostas para o setor serão apresentadas até o verão. Para o primeiro-ministro, as conclusões do relatório são "interessantes", mas acrescentou "como sempre a dificuldade é chegar lá".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.