Brown e Sarkozy pedem transparência no setor financeiro

O primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, e o presidente da França, Nicolas Sarkozy, pediram por uma ação internacional rápida para melhorar a transparência nos mercados financeiros, para lidar com a crise global de crédito. "Nós vamos pressionar por uma abordagem coordenada na comunidade financeira internacional para divulgação de informações, e para lidar com os problemas que existem agora em baixas contábeis e atividades fora dos balanços, onde novos padrões internacionais, acreditamos, precisam ser combinados em caráter de urgência", disse Brown, em entrevista à imprensa.Sarkozy acrescentou que é "preciso maior transparência" nos mercados. O presidente francês está no segundo dia de visita ao Reino Unido.A visita acontece em meio à tensão nos mercados financeiros e sinais de ampla desaceleração na economia de muitas nações desenvolvidas. A crise de crédito atingiu diretamente o sistema financeiro britânico - uma corrida ao cedente de hipotecas Northern Rock terminou com o governo nacionalizando o banco. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.