Buenos Aires emitirá US$ 509 milhões em títulos

O governo da cidade de Buenos Aires prepara uma emissão de US$ 509 milhões em títulos da dívida pública. O plano de Maurício Macri, que tomou posse como chefe de governo (cargo similar ao de prefeito, embora do distrito federal) é lançar os títulos entre maio e junho.Esta seria a primeira colocação de bônus que a capital federal realizaria desde a renegociação dos Bônus Tango, ocorrida em 2002, após a desvalorização da moeda nacional, o peso.Nos próximos dias o governo da cidade convocaria uma licitação para a escolha do banco que ficaria encarregado da colocação dos títulos.Com o lançamento dos novos títulos, Macri espera conseguir fundos frescos para seu ambicioso Fundo de Infra-estrutura Social. Macri precisa de dinheiro extra para realizar uma série de obras públicas, já que a capital argentina está em estado deficitário desde 2006.O prefeito possui ambições políticas consideráveis. Macri espera realizar uma administração exemplar de Buenos Aires, que lhe sirva de "vitrine" para a campanha das eleições presidenciais em 2010.Além da capital federal, outros distritos, entre eles Mendoza, Chubut e Córdoba planejam a emissão de títulos, e assim, voltar ao mercado de capitais após vários anos ausentes.

ARIEL PALÁCIOS, Agencia Estado

18 de janeiro de 2008 | 08h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.