Bush convida Lula para reunião do G-8 nos EUA

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, convidou ontem à tarde o presidente Luiz Inácio Lula da Silva para um encontro em novembro para tratar da crise global. Em telefonema de cerca de 15 minutos, Bush disse que era importante reunir chefes de Estado das "principais economias do mundo", o que inclui o G-8 e emergentes, como o Brasil. Na conversa, Bush ressaltou que é preciso discutir formas de evitar que a crise se repita e problemas no sistema financeiro cheguem à economia real. "Essa reunião não pode passar a idéia de que vamos salvar o mundo", disse Lula, segundo um ministro. Bush concordou e disse que o encontro tinha por objetivo ''''abrir uma discussão entre as principais economias do mundo". As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.