Bush falou com Duhalde e manifestou apoio

O presidente norte-americano, George W. Bush, conversou por telefone com o seu colega argentino Eduardo Duhalde e transmitiu pessoalmente a mensagem de que os EUA estão prontos para ajudar a Argentina, quando o país iniciar as reformas econômicas necessárias, informou o porta-voz da Casa Branca Ari Fleischer.Fleischer disse que Bush transmitiu a Duhalde que os EUA darão apoio a empréstimos de instituições internacionais, tais como o FMI, quando a Argentina definir um plano econômico. "A questão fundamental continua sendo a Argentina apresentar um plano para criar um crescimento econômico sustentável"No início da semana, Bush já havia expressado mensagem semelhante num discurso na Organização dos Estados Americanos. "Eles tiveram uma boa conversa sobre os desafios econômicos que a Argentina está enfrentando, enquanto o governo trabalha para criar um plano econômico estável", disse o porta-voz."O presidente Bush reafirmou a forte relação bilateral da América com a Argentina. Ele expressou nosso compromisso com o as pessoas na Argentina e nossa sincera preocupação com as dificuldades que o povo da Argentina está enfrentando", acrescentouLeia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.